plantar-fasciitis-300

Fascite Plantar é queixa frequente em atletas pós treinos e provas

Escrito por

Fisioterapeuta do Esporte, é corredor nas horas vagas, começou a correr em 2009 para acompanhar os pacientes no retorno pós Fisioterapia. Participa de provas de 10Km e tem no currículo 4 Meias Maratonas (Buenos Aires, Rio de Janeiro, Praia Grande e São Paulo) e uma Ultra de 24hs. Agora prepara-se para encarar as Maratonas do Rio de Janeiro e Amsterdã.

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK

20 Comentários

  1. Renato Mello Renato Mello disse:

    Eu já tive, no meu caso foi no aumento excessivo da carga de treinos .
    Dr.Evaldo, a informação de que o ciclismo exagerado encurta a musculatura e favorece lesões é real?
    abraços!

    • Evaldo Bosio disse:

      Olá Renato,
      Não temos dados científicos que o ciclismo possa favorecer um determinado encurtamento muscular, porém sabemos que a posição “sentado” pode causar um encurtamento da cadeia muscular posterior, atingindo também o tríceps sural (panturrilha), músculo que quando encurtado pode causar uma rotação do osso calcâneo gerando mais tensão sobre a fáscia plantar.
      Bons treinos.

  2. Giselli Souza disse:

    Ainda bem que essa é uma das poucas coisas que eu não tenho :) Isso atinge todos os atletas ou as mulheres são mais suscetíveis?

    • Evaldo Bosio disse:

      Olá Giselli, a fascite plantar pode atingir todos os atletas, porém as mulheres podem apresentar mais lesões em virtude do uso constante de salto-alto, gerando um encurtamento muscular maior em panturrilha.
      Bons treinos.

  3. Roberson Guimarães disse:

    Venho sofrendo com uma fascite plantar há 6 meses. Felizmente no último mês ela parece estar indo embora. No meu caso uma fascite bilateral. Fiz fisioterapia e ortotripsia, mas o que parece estar resolvendo é manipulação da fáscia plantar com massagens. Em nenhum momento a lesão me impediu de treinar, só diminuí o volume e aumentei o número de treinos na esteira.
    Conheço corredores que têm fascite há anos… e não conseguem se ver livre dela. O lesão difícil de curar.

    • Evaldo Bosio disse:

      Olá Roberson,
      Realmente a fascite plantar é uma lesão de difícil resolução e demorada, muitas vezes o atleta não tem paciência e muitos não aceitam ficar afastado do esporte para o correto tratamento, muitos voltam aos treinos sem a alta definitiva, com isso ele acaba tendo recidivando e piorando a lesão. Já atletas mais pacientes, esperam o momento certo (alta) para voltar a treinar e apresentam bons resultados sem que a fascite volte.
      Bons Treinos.

  4. Hélio Shiino disse:

    Fascite plantar que me “sabotou” pela segunda vez, agora no pé esquerdo. Tratando-me desde janeiro/2013. Em números, hoje, recuperado, aproximadamente, 65~70%. Uma evolução exponecial que tem me animado bastante.

    Para enriquecer o tema, um contraponto ao que a medicina esportiva sempre viu a fascite como um inflamação. O artigo que ilustra uma degeneração.

    FASCITE PLANTAR: LESÃO ESPORTIVA COMUM PERMANECE UM MISTÉRIO
    target="_blank" href="http://www.assessocor/noticias.aspx?__idNot=1166" rel="nofollow">http://www.assessocor/noticias.aspx?__idNot=1166

    • Deandra disse:

      Bon dia Crec que ens estem passant una mica no?Una crida a la educació i ser una mica coherents amb el que es diu.Això de ficar-se, amb familiars dels components de qualssevol dels dos partits es lleig, i caure baix.Potser ho tenim que parar ens estem oblidant que lâtmi™por€ant es l’Albi.

  5. edna disse:

    eu estou sofrendo com fasceite plantar desde abril 2013 ja tomei medicação ja fiz fizioterapia e esta dificil a cura ja enterrompi os treino e estou esperando melhorar

    • Evaldo Bosio disse:

      Oi Edna, o tratamento da fasceíte muitas vezes é demorado, tenha paciência e na dúvida, consulte outro Fisioterapeuta para acompanhar seu caso. Boa sorte!

  6. Raphael disse:

    Olá Doutor! a 3 meses venho sofrendo com uma dor bilateral no ante pé, que aumenta quando fico várias horas em pé no trabalho, ai tomo um relaxante muscular e me alivia, voltando a doer quando o efeito do remédio passa. Não consigo descer uma escada de frente, será que a causa seja encurtamento no triceps surral?

  7. jose luiz teixeria disse:

    olá estou com um problema parecido com o descrito, porém gostaria de saber qual procedimento que devo fazer, desde já agradeço.

  8. Marcelo leite pereira disse:

    Oi, eu tive fascite em março de 2015, jogo futebol profissional na Grecia, ocorreu num lance isolado, desde então meu pé inchou e tive todas complicações do problema, medico do clube me deu antiinflamatório e injeções para dor e joguei alguns jogos e piorei o problema , em junho aplicou corticoide e sumiu a dor , mas na verdade mascarou o problema, desde então quando passou efeito voltou o problema em agosto do mesmo ano.
    Eu pesquisando na internet vi muitas pessoas sem saber o que fazer nem proceder, a minha ressonância não acusou nada.. E muito preocupado procurei um especialista ( já devia ter feito anteriormente), o doutor me disse que ele já resolveu mais de 100 casos de fascite pra ficar tranquilo eu não acreditei até pelo que li que não é fácil, ainda mais na minha profissão que está diariamente pisando na lesao.
    Em 4 sessões ele me recuperou totalmente estou muito aliviado, sendo que na primeira ele melhorou 70 por cento , a terapia dele consiste em estalar os pés ( estalos que nunca vi) aliviam muito, depois enfia uma agulha no ponto que dói tipo acupuntura, mas uma agulha mais comprida e faz movimentos que ele alega que espalha o sangue parado…, incrível, dessa maneira ele me curou…., pena que ele está em atenas se não, super indicaria .abraços .

  9. Valéria disse:

    Marcelo Leite Pereira por favor estou a quase 1 ano com fascite. O profissional que você foi é ortopedista ou osteopata? Já fiz vários exames, inúmeras seções de fisioterapia. Melhora mas volta a doer com qualquer esforço. Obrigada.

    • marcelo disse:

      Oii, ele é especialista em pé, o cara é muito bom no que faz, te digo com autoridade, essa técnica dele resolve o problema e resolveu meu caso, de repente vale a pena ir à Atenas pra tratar, ou pedir seu médico pra entrar em contato com ele caso fale inglês., se precisar do contato eu te dou.

  10. Valéria disse:

    Marcelo eu adoraria ir à Atenas pois ainda não conheço a Grécia. Mas com o Euro no valor que está não vou sair do país este ano. Quero o contato sim. Eu fui à um osteopata que fez esse procedimento de retirar sangue com uma agulha. Mas estalar só a coluna etc. O pé não. Vou pesquisar com o seu médico qual é a técnica. Muito grata.

  11. Sérgio Dias Fortuna disse:

    Só sarei depois que comecei a usar palmilha de silicone para praticar esportes e no dia a dia aí ela foi desaparecendo pouco a pouco

  12. Herbert Ribeiro disse:

    Olá Doutor,
    fui diagnosticado com fascite plantar. Corro normalmente de 30 a 40km por semana, tenho 60kilos, 50 anos. Estou fazendo o alongamento da fascia há uma semana e aplicando gelo duas vezes por dia. O Sr. acha que poderei voltar a correr em quando tempo? Creio que os motivos foram: por 2 semanas aumentei o volume de treino e mudei de terreno, usando um tênis novo. Obrigado pela atenção.

  13. monica disse:

    Olá bom dia gostaria de perguntar a fascite realmente não tem cura ou os tratamentos só são paliativo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também...