Aterro 2

Aterro das corridas

Escrito por

É coordenador de projetos na indústria offshore com MBA e pós graduação em engenharia do petróleo, bacharel em Física. ultramaratonista que começou a correr aos 47 anos após a visita de um amigo de longa data. Mas a sua maior inspiração foi assistir um corredor amputado completar 21km usando apenas próteses. Já participou das provas mais tradicionais de corrida, como São Silvestre, Volta da Pampulha, entre outras. Na sua primeira maratona já completou os 42km em 4h24m. Partiu para provas longas, as ultramaratonas, e correu 111km nas 24h Fuzileiros Navais, no Rio de Janeiro.

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK

9 Comentários

  1. Luis Eduardo disse:

    Zequinha, ótima esta sua coluna, gostei muito desta matéria sobre o aterro, uma obra incrível de engenharia e urbanismo. Costumo frequentar o aterro quase todo o fim de semana e não tinha conhecimento sobre sua história, obrigado por estas informações e parabéns pela coluna.

    Luis Eduardo

  2. Zequinha Monteiro disse:

    Perfeitamente Luis Eduardo

    Outras curiosidades é que o morro de Santo Antonio que cedeu a terra foi através de à jatos d’água. A mesma draga que abriu o Canal do Panamá, retirou areia do mar para criar a Praia de Botafogo.
    Espero encontra-lo outras vezes praticando ciclismo e eu treinando em uma manhã de domingo.

  3. luiz claudio correa disse:

    Ótima matéria, o aterro do Flamengo é o palco perfeito para grandes eventos. Neste cenário deslumbrante foram disputas as grandes provas de rua do Brasil. Estrangeiros que aqui correram foram unanimes em afirmar do prazer de correr nesta paisagem natural concebida pela mão divina.

  4. Zequinha Monteiro disse:

    Querido Claudinho

    Sempre repito que você foi a pessoa que me colocou no mundo das corridas, respeito muito sua opinião, pois é sensato e centrado com criticas valiosas, isto sem falar das suas vitórias nas provas de 10km , sempre foi vencedor das faixas nas maratonas entre Rio e Porto alegre.
    Receba meu abraço

  5. Clara Monteiro de Barros Malhano disse:

    Beleza Zequinha. Seus artigos estao cada vez mais interessantes. Continue suas pesquisas! Beijos da mana Clarinha.

    • Zequinha Monteiro disse:

      Apenas escrevi um breve resumo, pois você como Drª em História e Prof Hamilton especialista em arquitetura e urbanização com certeza tem um profundo conhecimento sobre a história do Rio e consequentemente o Aterro do Flamengo. Nós corredores temos orgulho de ser brasileiros.

  6. Alfredo Donadio Alfredo Donadio disse:

    Zequinha
    10 milhões de pares de tenis é muito bom.
    Abraço e Boas Corridas

  7. Zequinha Monteiro disse:

    Carissimo Alfredo

    Provavelmente foram mais de 10 milhões de corredores, nós fazemos parte da história, agradeço sua visita no Papo de Esteira.

  8. marilia sanches disse:

    irmãozinho vc é o máximo ! sempre nos presenteando com pesquisas incríveis ,parabéns ! continue sempre nos incentivando a conhecer melhor a cidade maravilhosa bjs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *