aline-swim

Quer começar no triathlon? Pergunte-me como!

Escrito por

Aline Carvalho Engenheira por formação, triatleta por opção, dotada de uma mente inquieta típica de filósofos, com grande paixão pela leitura. Tem a psicologia como força motriz de suas relações. Executiva de uma empresa multinacional, concilia sua rotina estressante no trabalho com seus treinos para provas de longas distância, que vão desde maratonas e ultras até Ironman. Conserva um sonho arrojado: disputar o RAAM, uma prova de ciclismo tida como uma das provas mais difíceis do mundo. Em seu curriculo esportivo contam 13 maratonas, 3 ultras, 1 meio Ironman e 2 Ironman. A sua maior emoção no esporte foi completar Comrades Marathon.

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK

135 Comentários

  1. Joka disse:

    Eu quero é abandonar esse vício !!!! KKKKKKKKKKKKKK

  2. Diogo disse:

    Olá Aline, seu post pareceu feito sob encomenda para meu momento.
    Muito didático e ilustrativo também.
    Já que voce deixou esta oportunidade, vou te fazer perguntas nos proximos meses à medida que dúvidas forem surgindo.
    Obrigado, abraços.
    Diogo Huais

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Diogo!
      Que notícia maravilhosa: mais um triatleta a caminho! Aproveite mesmo e tire todas as suas dúvidas! Se eu não souber, vou descobrir e aprender junto com você!
      Fique à vontade para perguntar mesmo!
      Apareça e divirta-se!
      Beijo!

      • Diogo disse:

        Bom dia Aline,
        Já que voce disse que poderiamos perguntar(rsrs…), lá vai:
        Qanto ao “chamois butter,” pode ser útil também para longos pedais, sem ter nadado antes?
        Como é feita aplicação?
        Onde acho para comprar?
        Valeu!
        Forte abraço,
        Diogo Huais

        • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

          Pergunte mesmo, guri! Vamos lá:
          – Pode e deve usar o Chamois Butter nos pedais longos, mesmo sem ter nadado antes! Ele pode ser usado nos pés para evitar bolhas, na roupa de borracha para evitar assaduras, mas a principal utilização que damos a ele é mesmo no forro das bermudas de ciclismo. (foto: target="_blank" href="http://chamoisbuttr/wp-content/uploads/2013/01/8oztube1.jpg" rel="nofollow">http://chamoisbuttr/wp-content/uploads/2013/01/8oztube1.jpg)
          – Quanto à aplicação, terei que tomar cuidado para não soar erótico! Kkkkkk… Brincadeiras à parte, o Chamois parece uma “pomada”, então passe no forro da bermuda de ciclismo, no local de maior contato com banco. Também passo na pele, onde o banco mais gera atrito.
          – Para comprar, você encontrará em boas lojas de bike. Você é de qual cidade? Aqui no Rio, acredito que tenha na 3Shop, na Renato Estrella e na Barcellos Bike.

          Espero ter ajudado! E fique à vontade para perguntar!

          Beijo e bons treinos!

  3. Alda Marmo disse:

    Oi Aline ! belo post! esse ano fiz aos 42 anos a primeira prova que apelidei de bikini triathlon, pois é a metragem ‘fitness’, bem curtinha, mas para mim uma vitória ! Ainda nao fez 1 ano que parei de fumar e sai do sofá ! Meus filhos estão com 13 e 14 anos e achei que tinha que dar o ‘exemplo e servir de modelo e inspiração! vieram todos na minha, a princípio como staffs e torcedores ! e agora estão treinando com o pessoal do clube o triathlon ! Adoraria ter lido esse post anytes da primeira prova ! um beijo e parabéns !

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Nossa! Que bacana, Alda!
      Escolheu logo um esporte completo e complexo! Show!
      Bem-vinda ao grupo!
      Como está o calendário de provas?
      Um grande abraço e parabéns pela mudança de vida!

  4. Diógenes Hoffmann disse:

    Belo post. Só tenho outro ponto de vista sobre “Comece já de sapatilhas, não vale a pena começar de tênis. ” . Minha grana era tão curta na época ( 1 ano atrás ) que eu não consegui investir no pedal/sapatilha e pedalei de tênis durante um ano. Eu prefiro dizer: se não puder começar de sapatilhas encare de tênis mesmo, quando a sapatilha chegar já terás um pouco mais de intimidade com o ciclismo.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Diógenes!
      Você está certíssimo! Ato falho! O que quis dizer com o que escrevi foi relacionado ao medo que as pessoas têm de pedalar de sapatilhas!
      Conheço várias que têm as sapatilhas em casa, mas nunca usaram por medo de cair! A estas a minha sugestão é subir logo com as sapatilhas! Só aprenderão usando!
      Não tendo grana, vá de tênis! Claro!

  5. Elano Ribeiro disse:

    Fantástico, Aline.

    Você, sem dúvida, será responsável pela introdução de muita gente no triathlon.

  6. Paulo brasil disse:

    Excelente texto como sempre, Aline é uma das minhas incentivadoras no esporte e tem uma didática e paciência fantástica. Voce esta de parabéns minha querida

  7. Victor Alves disse:

    Oi Aline, tudo bem?

    Gostei muito do seu post. Sou atleta há um ano e, nesse momento, faço provas de travessia e corrida. Em breve pretendo iniciar o triatlo e penso que as provas de biathlon são um bom teste também. Vou me inscrever em uma prova de biatlhon que será realizada no dia 21. A minha principal dúvida é sobre o que posso usar para nadar e correr. Não posso correr de sunga, pois seria muito desconfortável para mim. Penso em utilizar uma bermuda que me permitiria nadar e correr, sem perder mto tempo na transição. Poderia me indicar que tipo de material ou até mesmo modelo/marca eu devo procurar?

    Obrigado!

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Olá, Victor!
      Normalmente, usamos duas opções:
      (1) Macaquinho
      (2) Top + bermuda
      Ambas as opções você tem modelo e material específicos para triathlon, ou seja, que são adaptados para nadar, pedalar e correr.
      Como você pode imaginar, se serve para nadar, pedalar e correr, não é fantástico pra nenhuma das três! É médio em todas elas, mas é a melhor opção para fazer triathlon.
      Marcas e modelos: há várias opções no mercado. O ideal mesmo é você ir experimentando e testando.
      Vou te mandar mais informações / opções por e-mail, ok?
      Bem-vindo e bons treinos!

  8. João disse:

    Olá, Aline. Tudo bom? Eu já corro, nado e pedalo há algum tempo. Recentemente comecei a participar de provas de corrida e natação no mar. E fiquei com vontade de experimentar o triathlon, talvez o short pra começar. Eu já entendi que o ideal é usar o macaquinho e tal, mas, eu queria saber se eu poderia fazer uma prova de triathlon nadando só de sunga e na transição para a bike colocar uma bermuda e uma camiseta e fazer o resto da prova assim. Eu sei que eu vou perder tempo na transição fazendo isso, mas isso não me preocupa e eu gostaria de usar as roupas com as quais eu me sinto bem, pelo menos nessa 1ª experiência. Enfim, minha dúvida é se é permitido eu nadar de sunga e depois vestir uma bermuda e uma camiseta. Obrigado.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, João!
      Valeu pela bronca! =) Eu tento responder todos os comentários, mas acabo não sendo 100% eficaz. Desculpe-me! Vamos lá!
      Você pode usar sunga para nadar, sem qualquer problema, exceto em provas em que é exigido o uso de roupa de borracha, obrigatória quando a água do mar está abaixo de uma determinada temperatura (18 graus se não me engano).
      Para pedalar, é necessário o uso de camisa, não poderia ser apenas de sunga, mas alguns atletas não usam bermudas, vão de sunga e camisa!
      Quanto ao tempo de transição, é algo que você vai diminuindo à medida que vai ficando mais experiente.
      Depois que começar a usar as roupas de triathlon verá que são confortáveis, apesar de esteticamente feias. Esta percepção de que são feias também muda com o tempo.
      Espero ter ajudado! Apareça e, caso eu deixe de responder, dê mesmo uma bronca! ;-)
      Beijo!

  9. Jefferson disse:

    belo texto!
    estou querendo iniciar, eu já corro, comecei a nadar…a minha duvida era a bike…e equipes ou locais pra treino especifico pra triathlon.

    valeu!

  10. Pâmela disse:

    Estou naquele momento apaixonada, mas insegura para começar. Nado 4 vezes por semana, incluisive no mar. Já corri, mas não é a minha paixão. Pedalar é algo que amo, mas ainda não tenho uma bike apropriada para o esporte. Sei que falta o empurrão, pq conquistada eu já fui rs, mas o medo de não aguentar fazer tudo e ainda trabalhar é o que me segura um pouco.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Pamela!
      Certamente, a parte mais difícil do esporte é a rotina! Mas eu penso que com um bom treinador, você conseguirá treinar adequando os treinos ao seu tempo disponível.
      O que mais toma tempo é a Bike. Dependendo da prova que quer fazer, realmente são muitas horas em cima dela.
      Para fazer sua primeira prova, um short ou sprint, você pode usar qualquer bike! Não deixe passar o tempo! Venha logo para o tri! =))

  11. Paulo Ximenes disse:

    Ola amigo
    Parabens pelo post, muito informativo.

    Estou pedalando a algum tempo e sempre me interesei por esse esporte , como nao conheço ninguem aqui na minha cidade que pratica , voce poderia ajudar na rotina para eu começar a treinar ? Tipo quantas vezes treinar tal modalidade ? Quantas vezes por semana essas coisas ? Quero treinar para quem sabe participar de uma competição algum dia !!!

    Aguardo sua resposta

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Olá, Paulo!
      Recomendo fortemente que busque uma assessoria! Se não tem na sua cidade, pode procurar outros profissionais. O meu treinador, por exemplo, orienta também à distância. A presença é bacana, mas não é primordial.
      Eu treino natação 4 vezes por semana , bike de 4 a 5 vezes por semana e corrida 4 vezes por semana.
      A distribuição é complexa porque sempre treino duas ou três modalidades por dia, em turnos distintos.
      Eu normalmente pedalo ou corro ou pedalo/corro de manhã e nado à noite.
      Se quiser ajuda com a seleção de treinadores, posso te indicar alguns que treinam à distância.
      Beijo.

  12. Moyses disse:

    Oi Aline,tudo bem?

    Amo correr, amo pedalar, amo nadar! Por que não praticar os três em uma única prova?

    Estou muito empolgado em começar a treinar triathlon! Creio que encontrarei muita ajuda no material contido em seu site.

    Agradeço muito desde já!

    Bjo

  13. Dante Bocchi Jr disse:

    Olá Aline ! Parabéns por essa maravilhosa divulgação do triathlon. Tenho 66 anos e pratico corrida de rua há 4 anos, sendo minha preferência em Meia Maratona, com 6 a 8 por ano. E a partir de 2014 estou iniciando treinos de natação e bicicleta, preparando-me para iniciar no tri. Sua experiência e conhecimento estão sendo muito úteis, obrigado e grande abraço. Ribeirão Preto/SP

  14. Cássio Campos disse:

    Olá Aline !
    Muitas dúvidas que tinha sobre o esporte foi tirado nesta divulgação. Também sofro muito com a vida estressante do dia a dia ,e as pressões para a entrega de resultados na empresa… rsrssr… Desde o ano passado vem passando pela mente de praticar este esporte, e agora esta vontade de conhecer cada vez mais sobre o esporte está aumentando, agradeço esta publicação e ainda esta semana, vou procurar uma equipe em campinas, pois sou de Valinhos-SP para começar a praticar o esporte.
    Abraços…. E boa sorte em suas conquistas….

  15. João disse:

    Olá, Aline. Eu de novo. Você participa de provas de cross country? Já fez o xterra Ilhabela? Como curto MTB tô pensando em estreiar no tri fazendo logo um cross country, mas tem um pessoal dizendo que essa prova é mto barra pesada. Vc tem algum conhecimento sobre a mesma?

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, João! Se arriscou na prova? Eu não pedalo de MTB e não faço provas no mato. Talvez um dia! Dizem que a prova é bacana, mas dura. Mas é disso que gostamos, né?
      Beijos!

      • João disse:

        Oi, Aline. Então né, me arrisquei sim, mas acho que subestimei a prova. Não recomendo a ninguém estrear numa prova dessas. Pode acontecer o que aconteceu comigo e desmotivar a pessoa. O MTB é muuuuito mais casca grossa do que eu imaginava e acabei perdendo a T2, infelizmente não completei a prova. Agora estou treinando pra um olímpico tradicional em Caraguatatuba dia 02/11. Essa acho que pelo menos completar eu vou conseguir. E ano que vem vou tentar de novo o cross, mas não Ilhabela, vou tentar etapas mais fáceis e quem sabe no futuro com mais experiencia encaro de novo a etapa de IB.

  16. Guilherme Duarte disse:

    Boa noite, adorei o post! Parabéns tirou muitas duvidas e me motivou!
    Estou iniciando no triathlon e gostaria de saber qual a melhor roupa para iniciar e terminar uma prova sem trocas de roupa.
    O certo é não usar roupas intimas né? As bermudas para triathlon ja vem com protetor para o banco da bike.
    É realmente bom ou necessário o uso de algum tipo de vaselina para distancias curta (short)?

    grato!

  17. Murilo disse:

    Aline, tudo bom? Show de bola o blog! Estou curtindo muito ler! Rindo bastante, me emocionando algumas vezes e cada vez mais empolgado para iniciar no triathlon. Nadei por muitos anos, mas estou parado ultimamente! Tenho corrido bastante e praticado MTB num ritmo bem legal e pedais longos. Queria saber sua opinião a respeito da compra da bike. Tenho possibilidade de comprar uma road e uma TT. Você compraria as duas, ou investiria somente em um equipamente, mas com uma qualidade ainda melhor? Pensei em comprar uma TT Specialized Shiv Elite A1 (2012) ou Felt S32 2014, e para a Road, vi uma kona de 1000 e poucos Euros também, a Kona Zing 2014… Pensei na Kona pois a minha MTB é uma Kona e achei a marca excelente, mas não sei como ela é para as road bikes… Pensei em comprar as 2 para ter uma versatilidade maior, e pelo fato de que estou me mudando para alemanha em breve e, portanto, teria percursos beeeem legais com MUITAS subidas para fazer, e acho que uma Road bike me atenderia melhor nesses treinos. O que acha? Beijão, Murilo

  18. Deia disse:

    Olá Aline,

    Eu amei seu post (é a segunda vez que estou lendo). Já nadava e corria e estava na vontade de treinar triathlon há 4 anos porque morria de medo da bike. Comprei a bike, fiz o bike fit, e logo na estreia levei dois tombos parada…acabei nem saindo pra pedalar mesmo. No primeiro pedal (uma volta de 6km) MORRI de medo. Estava muito tensa mesmo. Fiquei desanimada e queria saber se com todo mundo é assim no começo, se um dia pedalar com uma bike TT e sapatilha vai virar uma coisa natural, tipo dirigir um carro.

    Obrigada,
    beijos

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Deia! Acho que você já deve até estar sando saltos de bike por aí! Hehehehe… Mas é assim mesmo. No começo o medo é maior. Eu tenho medo até hoje. Nunca fico 100% confortável em cima da bike, especialmente para clipar as sapatilhas em uma subida. Sempre fico tensa! Conte-me como estão as coisas por aí.
      Beijos

  19. Renato Guerreiro disse:

    Olá Aline, tudo bem?

    Gostaria de tirar uma duvida, vou me inscrever na minha primeira prova que é uma short e tenho uma MTB e a prova é no asfalto, posso participar com uma MTB?

    Obrigado.

  20. Jacques Mirnada disse:

    Muito bom o post. Parabéns!

  21. Wagner disse:

    Bom dia! Seu texto veio mesmo a calhar, já corro (sou meiamaratonista) e pedalo, creio eu que o suficiente pra fazer um sprint. Preciso achar um lugar bom pra nadar e que não seja muito caro.

    Gosto muito do esporte, mas ainda não consigo investir tanto assim, (ganho pouco, moro sozinho, sabe como é…), por isso minha primeira prova certamente será com uma MTB.

    Nesses últimos meses tenho colhido bastante informação sobre o esporte, seu conteúdo agregou muito valor no meu material. Vou fuçar mais no seu blog, tá?

    Grande abraço.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Wagner! O triathlon é um esporte meio caro, esta é a parte chata. Mas nada impede que vá adquirindo seu material aos poucos. E também de praticar com o que tem. Fique à vontade! Um abraço!

  22. leonel disse:

    Oi Aline, parabéns pelo otimo post. Pratico já triáthlon a 2 anos porem minha natação no mar não esta rendendo como rende na piscina, moro no interior do rio de janeiro em Resende para ser mais exato. Com isso gostaria de uma indicação sua para um profissional que possa resolver esse problema da natação.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Leonel! A natação no mar normalmente é prejudicada pela navegação, quando nadamos mais do que deveríamos. Você quer uma sugestão à distância? O ideal seria ter alguém in loco. Natação é diferente da corrida e do pedal. Precisa desta presença. Não conheço nenhum profissional que atue fisicamente em Resende. Se quiser alguém do Rio, indico alguns pra você. Avise-se. Beijo.

  23. larissa disse:

    Ameiiiii o post! Parabéns Aline por incentivar tanta gente! Ser triatleta é um sonho q vou realizar em breve…. quem sabe não participaremos de uma prova juntas?! Super bjo

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Larissa! Vamos loooogo! Hehehehehehehehe… Também conservei este sonho por um tempo antes de começar efetivamente. Mas é apaixonante mesmo! Mais ainda de dentro dele. Se precisar de qualquer coisa, avise. Meu perfil no Facebook é Aline Carvalho (Fiapa). Adiciona lá! Beijos!

  24. RenJen disse:

    Aline. Eu e minha esposa começamos a pouco tempo a participar de Triathlon por acaso de MTB mesmo, e agora na minha casa só se fala nisso rs. gostaria de uma orientação quanto as BIKEs que comprar e onde para evoluirmos no esporte.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Olá, Renjen! Preciso que me ajude a te ajudar. Perguntas:
      1) Que tipo de provas?
      2) Que distâncias?
      3) Quanto estão dispostos a gastar?
      4) Moram em que cidade?
      Que bom que foram mordidos pelo bichinho do tri! Bem-vindos!

  25. Zig disse:

    Pelo visto a Aline abondou o blog…

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Zig, estou na área! Com menos tempo do que antes para dedicar à coluna, mas estou por aqui. O maior ofensor é o meu perfeccionismo: gosto de sentar com calma e responder tudo direitinho. Acabo protelando para dar a maior das atenções, mas sem tempo como estou acabo não achando este espaço, o que acaba fazendo com que eu deixe comentários sem respostas. Vou buscar fazer diferente. Um abraço.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Diogo, estou na área! Com menos tempo do que antes para dedicar à coluna, mas estou por aqui. O maior ofensor é o meu perfeccionismo: gosto de sentar com calma e responder tudo direitinho. Acabo protelando para dar a maior das atenções, mas sem tempo como estou acabo não achando este espaço, o que acaba fazendo com que eu deixe comentários sem respostas. Vou buscar fazer diferente. Um abraço.

      • Diogo disse:

        Que bom que está “de volta” Aline.
        Seu apoio, dicas e incentivo nos fazem muito bem. Mas não se sinta com obrigação de responder.
        Li o seu post assim que você o escreveu, fiz as primeiras perguntas em julho de 2013 e agora finalmente vou estrear no triatlo.Vou participar da 6a etapa da copa interior que vai acontecer em Piracicaba dia 12/10. Vou começar na distancia short (que neste evento é chamada de sprint).
        Vou fazer na boa pra ver como é!
        Abraço e obrigado pela atenção.

  26. Pedro Malhone disse:

    Boa tarde Aline, muito legal esse seu artigo, ja corro e ando muito de bike aqui em são paulo/sp por volta de de 40 a 50km por dia (ida e vinda do trabalho) não tenho mais paciência para andar de carro ou transporte público aqui em SP, bom adorei seu artigo e a dúvida que tenho é sobre treinamento, nadava quando criança e depois na faculdade porem gostaria que me desse uma caminho com os treinamentos mais específicos para o nado e corrida (como treinar, uma série intercalar intenso como subida ou rendimento em tempo de corrida) – e até mesmo a alimentação pré treino e competição.
    estou muito entusiasmado para começar e já procurando algum lugar para nadar na na hora do meu almoço que é o único tempo que tenho para conciliar academia e agora natação.

    Abraço e desde já agradeço

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Pedro, você já deve estar nas Olimpíadas pelo tempo de demora da minha resposta! Mas, de qualquer forma, torço para que esteja muuuuuito engajado! Se eu ainda puder ajudá-lo em algo, avise-me!

      • Pedro Malhone disse:

        Vamos batalhando rsrs sempre, com filho agora ficou um pouco mais dificil porem temos que nos adaptar, precisando me readequar horários para melhorar os treinos.

  27. João disse:

    Só pra constar, estreei no triathlon (olímpico) domingo passado (02/11) em Caraguatatuba (Circuito Multisports). Fiz em 2:50h. Pra mim foi bom, embora tenha sido um dos últimos, rs. As informações do post foram muito importantes pra mim. Valeu, Aline!

  28. Hugo disse:

    Olá, Aline! Parabéns pelo site!! Tenho 42 anos e corro há um ano. Existem pessoas da minha idade que praticam triathlon? Existem pessoas um pouco acima do peso (com barriguinha) que começam a praticar o triathlon? Muito obrigado!!

  29. Luiz Felipe disse:

    Aline, parabéns pelos textos! Muito legal tua coluna!!!

    Que bike tu começaste? Pesquisando na net, vi o pessoal falando que a caloi sprint, embora muito básica, é realmente road. Vi em foruns muitos comentários sobre gente começando com ela.

    Obrigado.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Luiz Felipe! Eu acho a Caloi cara para o que oferece! Logo logo você vai querer trocar. Eu compraria uma bike básica usada! Fica de olho para não comprar bike roubada! Veja em grupos de triathlon no Facebook! Compre uma speed (road) mesmo!!!!

  30. Ton disse:

    Tenho 31 anos.
    Faz quase 1 que comecei a correr.
    Faz 6 meses que comecei a nadar.
    E agora quero começar a pedalar.
    Será que depois dos 30 ainda dá para ser um triatleta?
    Parabéns pela publicação Aline!!!

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Lógico, Ton!!!! Tá um garoto ainda! Hehehehe
      Se você será um atleta de elite, só o tempo dirá!
      Mas dá pra muito triathlon na vida começando aos 30!
      Pisa fundo!

  31. Kamila Palmeira disse:

    Boa tarde Aline,
    Sou iniciante e gostaria de saber se tem assessoria no Rio para me indicar.
    Obrigada! Parabéns pelo post, super interessante!!

  32. Max disse:

    Oi Aline… Achei muito bom seu post! Atualmente pedalo 70km e ja corro sem dificuldade 10km. Queria entrar com a natação e posteriormente (no minimo 1 ano) fazer uma prova de fast. Vc teria uma sugestao de treino semanal?

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Max! Não curto muito falar de rotina de treinos para os outros por não ser da área. Mas falando da minha experiência, diria que 3x por semana de cada modalidade é suficiente para treinar para provas mais curtas de triathlon. Talvez até as mais longas. Tudo depende do seu histórico e disponibilidade de tempo. Recomendo fortemente que entre numa boa assessoria para evitar lesões e demais problemas.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Um exemplo de rotina:
      Seg natação
      Ter pedal
      qua corrida + natação
      qui pedal
      sex corrida + natação
      sáb pedal
      dom corrida

  33. Daniela Bessoni disse:

    Bom dia Aline!
    Muito bom ler tudo isso! Surge ainda mais vontade de continuar na luta para as atividades de triatletismo! Voltei a correr! Na verdade estou voltando! Pedalar inicio agora no próximo feriado e falta a natação. Em qual local posso encontrar como me preparar melhor, tipo uma agenda pra saber como começar? Quanto correr, pedalar e nadar?! Existe prova para iniciantes?!
    Grande abraço
    Dani

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Um exemplo de rotina:
      Seg natação
      Ter pedal
      Qua corrida + natação
      Qui pedal
      Sex corrida + natação
      Sáb pedal
      Dom corrida

      Quanto dependerá de um mundo de coisas: histórico, que provas quer fazer, disponibilidade de tempo…

      Procure provas curtas de tri: short, por exemplo! Já começou?

  34. Bruno Rosa disse:

    Aline.
    Sou Engenheiro também e estou apaixonado pelo triathlon. estou entrando agora nesta modalidade e querendo adquirir tais habilidades, eu sou Ciclista de MTB e corro também. e vejo sempre seus posts, estou querendo adquirir uma Bike para o triathlon, você poderia me indicar uma marca ou modelo bom?

    Abraços

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Brunooooo!!! Já começou? Bike: compre uma road! Uma básica, que chamamos de “entrada”. Posso ajudar com algumas opções, mas preciso saber a sua disponibilidade de $$$. Me chama no Instagram: alinecarvalho. Grande beijo!

  35. Lisandra Moura disse:

    Oi Aline! Estou começando agora…🙈muito perdida com tudo! Achei seu blog e adorei! Parabéns! Queria pedir 1 ajuda: me indica mais alguns blogs e sites sérios e realmente bacanas, como o seu, para eu seguir e ficar por dentro de tudo? Super obrigada!!! Sucesso!

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Lisandra!
      Fiz um blog pessoal alinecarvalhotri com. Há alguns sites de tri totalmente focados. Acho que se jogar no Google encontrará – aqui não consigo colar links. Procure por Trisport.
      Pode entrar em contato comigo também pelo Instagram: alinecarvalho.
      Espero que apaixone-se por este mundo!

  36. gean carlo disse:

    ola, Aline vou começar a praticar e seu post foi de muito valia, me deu todas as informações necessárias para conseguir definir se este sera o esporte que devo me dedicar.
    obrigado

  37. Laura disse:

    Aline, voce poderia me indicar alguma assessoria a distancia?

  38. Marcio Santos disse:

    Olá, Aline.

    Em princípio quero manifestar minha surpresa ao ler no fim do post quem havia escrito! Fiquei muito surpreso e igualmente feliz por ver que determinação é inerente ao gênero, está associada a quanto estamos dispostos a nos doar para conquistar!

    Sou Ex-Militar da Marinha (Fuzileiro) residente no RJ e em razão do peso excessivo dos equipamentos, desenvolvi 03 protusões discais e um encurtamento do canal medular. Com isso fui desiludido por alguns médicos de que jamais poderia praticar esportes novamente. Saí de 91kg para 132kg em menos de 01 ano!

    Contrariando a opinião pessimista daqueles médicos, me formei em Educação Física, Emagreci e já estou com 98kg, pratico atividades físicas ( hoje quero mergulhar no universo respeitando meus limites) e hoje quero mergulhar neste universo do Triathlon..

    Minha maior dúvida é sobre a “Bike” em razão da minha especificidade na coluna. Difícil achar uma boa consultoria!

    Enfim…
    Parabéns pela iniciativa da redação e que Deus nos conceda saúde!

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Marcio!
      Eu sugeriria uma bike “road” ou “MTB” com um excepcional bike fit. No bike fit você poderá ajustar a bike para dar o máximo de conforto possível para a sua coluna. Procure um profissional sério no momento da compra.
      Aqui no Rio posso te ajudar! Me chama no Instagram: alinecarvalho

  39. mateus disse:

    com quantos anos podemos começar a fazer triathon

  40. Fábio Coelho disse:

    Boa noite Aline! Eu venho lendo muito sobre o mundo do triathlon. Sou corredor a 3 anos e meio. Pude superar o meu sedentarismo na corrida. Eu eliminei 30 kg correndo. Esse ano eu terei a maratona da asics e a uphill.

    Recentemente comecei as aulas de natação (nunca tive oportunidade de aprender). estou me esforçando muito para aprender. Meu maior sonho é fazer triathlon, mas sou totalmente leigo assunto. Estive consultando tipos de bikes, mas a variedade de modelos e marcas são inúmeras. Confesso que estou perdido.

    Queria uma orientação. Poderia me ajudar??????

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Fábio! As bikes mais “importantes” são: mountain bike (MTB), road (estrada) e TT (contrarrelógio – também conhecidas como bikes de triathlon).
      Na minha opinião, a bike “road” é a mais versátil. Você consegue fazer as provas de triathlon com ela, consegue fazer treinos de plano e de montanha com mais conforto.
      Esta seria a primeira sugestão: compre uma “road”.
      A seguinte: qual comprar? Isso varia muito mesmo, especialmente no preço! Hehehe… A primeira decisão sua é: quanto você está disposto a investir numa bike?
      Se você tiver condições, sugiro começar com uma bike básica, mas não das mais básicas.
      Se você engrenar no triathlon, possivelmente, você permanecerá com ela e comprará uma bike contrarrelógio. É bom ter ambas as Bikes! Claro que dependerá sempre de ter grana.
      Ahhhh, triathlon é um esporte caro!
      Eu fiz um blog pessoal, lá tem todos os meus contatos de mídias sociais. No Instagram o usuário é alinecarvalho e o site é alinecarvalhotri com. Me chama por lá que eu te sugiro marcas, modelos e dou uma ideia de valores. Pode ser? Beijo!

      • Fábio Coelho disse:

        Bom dia Aline, devido a correria do trabalho eu não vi a sua resposta. Mesmo porque a mensagem de email foi para o spam.

        Nossa muito obrigado não imaginei que fosse responder…. vou te procurar no instagram.

        Beijo e obrigado novamente!

  41. João disse:

    Pessoal, acho que a Aline abandonou esse blog. Não sou tão experiente como ela, mas posso dar algumas dicas pra vcs se quiserem. Escrevam no meu e-mail: target="_blank" href="mailto:joao.orlandogmail">joao.orlandogmail

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Caraca! Me botou no paredão! Hehehe… Não abandonei não! Não sei se continuo recebendo os avisos! Desculpem a demora na resposta! Vou tentar correr os comentários acima pra responder!

      • João disse:

        desculpe, é que eu que tinha msg de um ano sem respostas, rs.

        • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

          Joãooooooooo! Volta aqui pra me dar um tapinha nas costas! Respondi todas! Hehehehe
          Realmente, não devo ter recebido todos os comentários! Costumo tentar responder sempre!
          Grande beijo e obrigada pelo puxão de orelha!

  42. João disse:

    target="_blank" href="mailto:joao.orlandogmail">joao.orlandogmail

  43. João disse:

    acho que o blog nao aceita que escrevam o e-mail, segue o face: target="_blank" href="https://www.facebook/joaopaulo.orlando.9" rel="nofollow">https://www.facebook/joaopaulo.orlando.9

  44. João disse:

    só aceitou o whats, escrevam lá que eu tento ajudar na medida do possível: 11 9 8201 5881

  45. Léo disse:

    Olá Aline, parabéns pelo blog. O que recomenda a um iniciante, macaquinho ou bermuda + top. Eu já pedalo e tenho bermuda de ciclismo, acha que dá para compor só com o top?

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Léo!
      Se você for fazer provas curtas, macaquinho é uma boa opção, especialmente se você for competir sem roupa de borracha.
      Se for fazer provas mais longas, bermuda e top é melhor.
      Fazer prova com bermuda de ciclismo, se for mesmo de ciclismo, não é uma boa! O forro é grande demais, é muuuuuito possível que te incomode bastante pra correr, além de não ser tão bacana pra nadar.
      Acho que vale a pena comprar ou o macaquinho ou o top. Se sua ideia é começar sem roupa de borracha e em provas curtas, compre macaquinho mesmo!
      Ajudei ou compliquei? Hehehehe

      • Léo disse:

        Opa, ajudou, aliás ajudou muito! Você tem razão, ninguém merece nadar e correr com bermuda de ciclismo kkkkkkkkk… será uma prova curta, um short triathlon do XTerra em Ilhabela, vou optar pelo macaquinho mesmo que parece uma boa opção. Valeu!!!

        • João Paulo Orlando disse:

          Olha eu aqui me intrometendo de novo no blog da Aline, rs. Olha só, eu acho essa questão da roupa muito pessoal. Eu fiz um tri olímpico de macaquinho e não gostei, achei desconfortável pro pedal. Depois experimentei fazer a prova inteira com bermuda de ciclismo e não achei tão ruim assim pra nada e correr com ela. Ou seja, preferi a segunda opção. A minha lógica é a seguinte: o ciclismo é a modalidade onde se passa mais tempo, independente da modalidade da prova, então tento buscar o maior conforto nesta etapa, mas como eu disse isso é muito pessoal, Lance Armstrong já ganhou prova competindo só de sunga o tempo todo, rs.
          Então vc vai encarar Ilhabela Léo, bacana, estarei lá também! Nesta prova acho que o macaquinho pode ser uma boa opção porque por ser MTB o ciclismo é menos desconfortável, mas se prepare, os 17 km de MTB são beeeeem duros!

          • João Paulo Orlando disse:

            Leia-se: ” o ciclismo é a modalidade onde se passa mais tempo, independente da distância da prova”.

          • Léo disse:

            Opa João Paulo, vou encarar Ilhabela sim, vamos ver no que dá! Eu já pedalo em trilhas, conheço o circuito do MTB de Ilhabela e pra mim, apesar da dificuldade, é a parte que me deixa mais tranquilo hehe… pior vai ser nadar, correr… mas pior mesmo acho que vão ser as transições, sair da água e pedalar, descer da bike e correr… não tenho muito preparo nessa mudança brusca de modalidade, acho que o bicho vai pegar aí.

          • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

            Fique à vontade para se meter sempre, João!
            É sim algo muito pessoal.
            Mas também tendo a olhar para os lados para ver o que está acontecendo. Diria que a maioria absoluta e esmagadora NÃO faz prova com bermudas de ciclismo. Deve haver um porquê.
            Quando comecei, cheguei a pensar em usar bermuda de ciclismo, trocando na transição pra corrida por uma bermuda sem forro.
            Afirmo que é adaptação! Com o tempo, vai ficando mais fácil usar bermudas com menos forros.

  46. João Paulo Orlando disse:

    Cara, tenta dar uma treinada nas transições, tipo, fazer um treino não muito longo de natação e pedalar um pouco logo na sequência, e principalmente, pedalar e já correr logo na sequencia. Acostumar a correr com as pernas cansadas é uma das coisas que mais vai te ajudar a terminar bem uma prova de triathlon.

  47. Carol disse:

    Boa tarde!

    Parabéns pelo artigo, muito bom e interessante! Poderia por favor me informar onde consigo realizar triathlon em Campinas? Obrigada

  48. Martello disse:

    Oi Aline, vejo que os primeiros comentários do seu artigo são de 2013, mas vejo também que até hoje (18/07) você continua respondendo prá galera. Então resolvi arriscar, aí vai minha pequena historia de triatleta: estava desempregado no final de 2014-começo de 2015, busquei acolhida na casa dos meus pais (região dos Lagos), sempre gostei de correr -quando completei minha única maratona você ainda não tinha nascido (1985). Voltando à casa dos meus pais, tinha todo o tempo do mundo prá não fazer nada, tinha a lagoa, e uma velha bike encostada, de uma sobrinha, e tinha kilómetros e kilómetros de BR. Pois é, aí eu pensei em me tornar triatleta, comprei até uma bike (que acho que não serve), e então consegui um emprego no Rio e parei de nadar e de pedalar, mas não esqueci daquele sonho de desempregado. Como todo mundo que vai começar, tenho mil dúvidas, por enquanto te deixo com duas das minhas favoritas (prá você não achar que sou mais chato do que realmente sou): 1. onde treinar natação no mar e 2. o treino no rolo de treinamento é tão efetivo como pedalar na rua? Continuo correndo, que é o mais “fácil” dos três.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Martello! Hehehehe… Eu já era nascida em 1985. Já até sabia andar e devia correr melhor do que corro hoje em dia! Hehehehe…

      Natação no mar: Copacabana, Porto 6, mar olímpico! Ou Praia Vermelha, que tá mais pra piscina que pra mar, é ótimo. E ali é bem limpo, pasme!

      Rolo de treinamento: diria que é diferente e pode ser até mais eficiente que o treino na rua, dependendo da proposta do seu treino e da sua capacidade de seguir a prescrição. Onde mora no Rio?

      Sobre a bike: claro que há bikes mais adequadas e menos adequadas, mas para começar qualquer uma serve!

      Se quiser, me busque no Instagram! Meu usuário é alinecarvalho!

      Bons treinos!

  49. Martello disse:

    Oi Aline, valeu! Boas dicas!!! Tenho namorado o triatlon desde aquela época na casa dos meus pais (2014-15) e com essas informações que você me deu sinto que “pode ser”. Moro na Lapa e fazia natação no Botafogo, ali no Mourisco, mas deixei há uns meses porque ficou mais prático prá mim fazer pilates, que me fortalece até mais o core que a natação, pelo menos a coluna não tem se queixado. Treinar na Praia Vermelha seria um sonho, ainda mais se é limpa como você diz. Sei que tem uns malucos que treinam em Copa e até na Lagoa, mas sinceramente prefiro evitar qualquer tipo de poluição, afinal decidi fazer esporte por saúde. Vou continuar estudando o assunto (humm, frase típica de quem não vai, né?), como você deve imaginar tenho limitações como todo mundo: trabalho, horários, meu objeto de desejo que é esse rolo de treinamento, etc, etc. Enquanto isso sigo com minhas modestas meias-maratonas, estou bem confortável nos 21k, embora sempre querendo mais!!! Não tenho instagram, te adicionei no Facebook. Obrigado mais uma vez, quem sabe você não me diz uma coisa bonita e que me anime a dar mais um passo. Brincadeira! Obrigado mais uma vez e bons treinos prá você também!!!

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Eu te aceitei? Desculpe-me se não! Hehehehe… Manda pra mim seu usuário do Facebook, por favor! Vou responder na outra mensagem que você mandou! Beijo

  50. Mauricio disse:

    Nossa, um texto com muitos anos é tão atual, legal é ver o respeito e carinho que você tem com os leitores do seu texto.
    Queria muito e sonho fazer um Ironman, gosto de esporte de resitencia, mas estou triste pela minhas dificuldades no ciclismo, um sofrimento pra mim, já a corrida, um sofrimento que dá prazer. O ciclismo ainda não me encontrei assim como na natação, mas acredito que na natação é um questão de tempo pois amo o mar.
    Minha bike é uma connodale e fiz bike fit, mas sei que meu corpo ainda não ajuda devido à barriga de choop, hahahahahah. A dificuldade para gostar do meu pedal desanima em treinar a natação e fico apenas na corrida que pratico a mais de 10 anos.
    Estou decidido parar a corrida é apenas pedalar para me encontrar no ciclismo e assim começar a gostar. O que você acha dessa decisão?
    Parabéns por tudo, pelo texto e pela sua atenção e respeito a nos leitores.
    Mauricio, Ceará.

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Maurício! Obrigada pelo carinho. Olha, lembrei de uma piadinha que meu pai contava! Disse que um japonês foi aos EUA e morou por muitos anos. Não aprendeu o inglês, esqueceu o japonês e ficou mudo! Hehehehe… O que isso tem a ver com sua mensagem? Vai que você para de correr, não se entende com o ciclismo e se transforma num sedentário? =)
      Não acho que deva parar com a corrida não. Corrida ajuda demais o cardio e você vai precisar dele no pedal também.
      Qual é exatamente o seu problema com a bike? Pedalar é muito desconfortável, mas a gente se adapta! A primeira coisa a fazer é insistir! Se você já fez o bike fit, agora é mesmo “chá de selim”. Tem que ter paciência!
      Compre uma bermuda de boa qualidade, encontre um grupo bacana de pedal.Diferente da corrida, o ciclismo é cheio de detalhes: onde segurar o guidão, em que momento, pedalar de pé ou sentado, cadência alta ou baixa e por aí vai.
      Como alguém que veio da corrida, eu te afirmo: ciclismo pode ser tão ou mais legal, sofrido e prazeroso quanto a corrida.
      Desejo que seja fácil na natação pra você! Pra mim, tá cada vez mais chato! kkkkkk
      Beijo e bons treinos!

  51. Martello disse:

    Oi Aline, sou eu de novo. Continuo pensando seriamente (kkk) em começar de uma vez nesse esporte que considero mais que completo. Mas enquanto não me decido realmente gostaria que você avaliasse se o que pensei faz sentido e poderia me ajudar a chegar lá. Atualmente me dedico só à corrida, treino duas vezes por semana na esteira e faço um longão no domingo. Com isso tenho fôlego para completar uma meia maratona sem problemas, já fiz tres esse ano e meus tempos estão baixando. Então pensei: o rolo de treinamento é para a bike o que a esteira é para a corrida. Você acha que consigo completar um triatlon se investir num rolo e só treinar com ele? A natação seria o último passo, como te falei já treinei 5 anos em piscina, mas sei que isso não é suficiente. Por agora queria tua opinião no lance do rolo, o que você acha? Muito obrigado e bons treinos!!!

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Oi, Martello!
      Sim! É possível fazer triathlon treinando apenas no rolo. No entanto, recomendo fortemente que busque fazer alguns treinos na rua porque bicicleta exige algum nível de destreza e isso o rolo não vai te dar. Em termos de condicionamento, pode ficar bem tranquilo que o rolo atenderá perfeitamente. Menos eficiente que o rolo, mas também ótima opção, são as bikes de spinning.
      Já treinei para Ironman fazendo treinos no rolo ou spinning, indo pra rua apenas uma vez por semana.
      Sobre a natação, vale a pena experimentar o mar! Nadar no mar é diferente. Se você for bom nadador, recuperará bem rápido quando retomar os treinos.
      Anda logo e para de enrolar!

  52. TATIANA TELES DA SILVA disse:

    Oi Aline, sou atleta amadora de corridas (nado também pra ajudar a corrida). Porém, agora que me preparava para uma maratona descobri osteoartrose nos joelhos (aos 37 anos) e não vou conseguir correr mais por longas distâncias. Como gosto e preciso da adrenalina do esporte, pensei em praticar short triatlon pois acredito que o impacto nessas articulações seria menor. Você acha possível?

  53. Robson Lemos disse:

    Olá! Sou Robson, moro em Vitória no ES, tenho muita vontade de conhecer melhor esse esporte, tenho 41 anos e quero começar, acha tarde? Sempre gostei dos 3 esportes envolvidos, com destaque para natação que nadei muito quando garoto, mas tenho receio de começar.

  54. Aline Rocha disse:

    Aline, amei teu post.
    Vejo que é antigo… Então. .. valeria alguma atualização sobre a compra de bike? Pois…
    Tô começando… minha bicicleta é normal de passeio e faço o que posso com ela.
    Já corro bem… voltei a nadar (tá difícil encaixar a respiração)… Mas vou fazendo o que posso com o que tenho até algumas coisas poderem se efetivar.
    Só pergunto se pra começar mesmo… tipo short triathlon, se compro a montain bike ou essa tipo road?
    Sabe se tem como testar antes?

  55. Danilo Faria Marques da Silva disse:

    Boa noite a todos, me chamo Danilo e moro em SP, há um ano atras cansei de ser tão sedentário alias estava gordinho já. Iniciei uns treinos na esteira para perder apenas peso, mas a endorfina tomou conta de mim e nunca mais parei. Perdi 16 kilos e hoje almejo correr 42k. Até hoje já corri 18k mas sei que vou chegar nessa marca. neste meio do caminho conheci a galero do pedal e voltei a pedalar, no ultimo dia 30/07 fiz um Audax200 com minha MTB aro 29. Foi muito prazeroso. Agora senti uma imensa vontade de quem sabe conseguir chegar no Iron Man nem que seja em ultimo mas completar a prova.
    Gostaria muito de saber dicas para conseguir correr longas distancias acima dos 30k, e se algum amigo consegue me especificar um bike (simples mas que eu consiga fazer os 180k ) dentro do tempo exigido.
    um forte abraço,
    Danilo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também...