Sem-Título-1

Em defesa daqueles que estão no lado negro da força

Escrito por

Aline Carvalho Engenheira por formação, triatleta por opção, dotada de uma mente inquieta típica de filósofos, com grande paixão pela leitura. Tem a psicologia como força motriz de suas relações. Executiva de uma empresa multinacional, concilia sua rotina estressante no trabalho com seus treinos para provas de longas distância, que vão desde maratonas e ultras até Ironman. Conserva um sonho arrojado: disputar o RAAM, uma prova de ciclismo tida como uma das provas mais difíceis do mundo. Em seu curriculo esportivo contam 13 maratonas, 3 ultras, 1 meio Ironman e 2 Ironman. A sua maior emoção no esporte foi completar Comrades Marathon.

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK

4 Comentários

  1. Tina Tina disse:

    Eeeeeeeee ! Palmas para mais uma bela reflexão ! Concordo contigo: nem todos que fazem maldades são essencialmente “maus”, mas, emocionalmente fracos. E eu acredito na capacidade do ser humano de mudar, acredito na capacidade do ser humano de perceber que tem escolhas. Posso estar errada, não sei. E talvez, se deparando com alguém um pouquinho diferente, emocionalmente mais equilibrado, quem sabe ele não consiga aprender e perceber pelo exemplo. Até por que, tudo que vai, volta. Quem sabe, essa pessoa consiga perceber que se a sua energia for positiva, é isso que vai atrair para sí. Parabéns Aline !

    • Aline Carvalho Aline Carvalho disse:

      Tina, faz um bem enorme conseguir / querer enxergar algo além de atitudes que não são bacanas. É um exercício de compreensão e compaixão, acho que é uma atitude de crença no ser humano. Não posso acreditar que todas as atitudes que impactam alguém de forma negativa teriam sido executadas com este propósito. Parabéns a você também! E força, Ironwoman!!! <3

  2. ALEXANDRE SIQUEIRA disse:

    Estou fazendo um treinamento de liderança na companhia e essa semana inveja estava na agenda. Gostei da definição que 1) inveja eh um sentimento primitivo de destruir o que o outro tem e eu não tenho e 2) se trabalhado, vira admiração. E esse eh um dos papéis do líder: transformar inveja em admiração!

  3. Kel disse:

    Eu já parto do princípio que todos nós somos maus! Apenas alguns conseguem entender um pouco melhor as Regras sociais e conseguem segurar um pouco a onda…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também...