IMG_4613

Meu papo com a esteira

Escrito por

É jornalista e advogada em Mato Grosso. Quando trocou uma cirurgia plástica por um par de tênis, há dois anos, e começou a treinar, não imaginou que a corrida se tornaria algo tão essencial na sua vida. Já viajou o Brasil e o exterior participando de provas, algumas memoráveis como a meia maratona do deserto do Atacama, no Chile. As corridas trouxeram novos amigos, mais disposição e o caminho para novos esportes. Passou a andar de bike e nadar para tornar real seus próximos desafios: uma prova de triathlon e uma maratona.

COMENTÁRIOS NO FACEBOOK

17 Comentários

  1. Vivian Dombrowski disse:

    Bem-vinda Luciane!

    É isso aí! Seja esteira ou ao ar livre, o importante é dar o primeiro passo…depois não paramos mais!!!

    Sucesso na sua coluna!
    Bjo

    • Luciane Mildenberger disse:

      Obrigada, Vivian.
      Realmente, o primeiro passo é o que faz a paixão pelo esporte aflorar.
      Estou muito feliz pela oportunidade.
      Bjs

  2. Renato Mello Renato Mello disse:

    Oi Luciane, seja muito bem-vinda! Não gosto muito das esteiras, já do papo, este sim, sem contra-indicação!
    Abs e sucesso na coluna!

    • Luciane Mildenberger disse:

      Oi Renato, obrigada pela recepção.
      O importante é não faltar um bom papo, e isso nós sabemos fazer mto bem, não é?
      Abs,

  3. Marcelo Cyder Palhano disse:

    Já pensava em como iniciar em alguma atividade física, a algum tempo que vivo de forma sedentária e fico preocupado com a minha saúde a longo prazo, e seu artigo foi decisivo para minha tomada de atitude, parabéns pela iniciativa.

    • Luciane Mildenberger disse:

      Olá, Marcelo, aproveite e comece agora mesmo, dê o primeiro passo, assim como escrevi no post.
      O início é sempre mais difícil, mas a atitude é o que fará a diferença.
      Obrigada pela participação.
      Abs,

  4. Rafael Zobaran disse:

    Seja benvinda Luciane.
    O post não podia ser mais perfeito para começar no PdE.
    Me fez lembrar que eu também comecei na esteira, caminhando, até me sentir mais seguro para sair sem destino por ai.
    Abraços.

  5. Zequinha disse:

    Muito bem vinda Luciane

    Parabéns pelo lindo , objetivo e simpático post.

    Devido ao problema de exposição ao sol , estou praticando a corrida na esteira, percebendo o lado positivo consigo fazer ladeira e tiros, vendo um filme de quebra na academia.

    Concordo plenamente o visual, a liberdade e a brisa no rosto são insubstituíveis.

    Com abraço do seu vizinho de coluna.

    • Luciane Mildenberger disse:

      Querido Zequinha, obrigada pelo gentil comentário de boas vindas, adorei!
      Com ctz seremos bons vizinhos, sempre um correndo para o lado do outro.
      Abs,

  6. Ludmila disse:

    Sigo o blog Correndo a Mil e sempre me inspirei nas atividades da atleta para tornar minha rotina mais saudável.
    Parabéns Luciane pela determinação e pelos resultados conquistados!

    Tô correndo pra esteira agora também!
    =)

  7. Beatriz Gomes disse:

    Realmente correr é muito prazeroso … Comecei a correr por isentivo da Lú Mildenberger, hoje em dia estou em falta com a corrida, aliás com a prática de exercícios no geral, sinto falta e meu corpo também. Mas já está na programação o meu “segundo primeiro passo”!

    • Luciane Mildenberger disse:

      Valeu, Bia, minha querida amiga. Sabe que estou sempre no seu pé para voltar a praticar uma atividade física.
      Quando quiser, sou companheira.
      Bjs,

  8. Angela maria ferreira santos disse:

    boa noite tenho 39 anos e gostaria de começar a correr
    será que posso

    • Luciane Mildenberger disse:

      Olá, Angela, claro que pode, a idade não interfere para o início de uma atividade física, seja ela qual for. Eu comecei a correr aos 37 anos. Mas antes de iniciar, consulte um médico para saber se está tudo certinho com a sua saúde, ok? Vai em frente! Abs.

  9. Robert vaz disse:

    De preferencia procure uma assessoria esportiva, existem muitas coisas que só aprendemos com o tempo , com uma assessoria a coisa fica mais simples e mais prazerosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também...